A velha história de todos os anos: o que assistir no Lollapalooza? Chvrches, a melhor banda cover do mundo! 100 discos de 2013

A velha história de todos os anos: o que assistir no Lollapalooza?

Por Rodrigo Cruz 11 Mar 2014 Comments
A velha história de todos os anos: o que assistir no Lollapalooza?

Saiu hoje o line-up de bandas do Lollapalooza por palco e horários dos shows. Como todo ano, rola uma frustração porque a banda X que você ama toca no mesmo horário da banda Y que você tanto quer conhecer. Não tem jeito: é preciso praticar o desapego e abrir mão de alguma delas.

Pensando nisso, fiz uma sugestão de programação para quem, assim como eu, quer assistir só o que realmente interessa e, principalmente, morre de preguiça e não quer chegar muito cedo.

Chvrches, a melhor banda cover do mundo!

Por Rodrigo Cruz 21 Feb 2014 Comments
Chvrches, a melhor banda cover do mundo!

Ano passado, o trio escocês Chvrches dominou o mundo com seu synthpop delicioso e a voz doce de Lauren Mayberry. A banda já havia lançado os singles “the mother we share”, “recover” e “gun” e o EP Recover entre o final de 2012 e setembro de 2013, quando saiu o full album The Bones Of What You Believe, que alcançou boas posições nas paradas americanas e inglesas.

100 discos de 2013

Por Rodrigo Cruz 13 Jan 2014 Comments
100 discos de 2013

Achou que estava livre dos rankings de melhores álbuns de 2013? Think again! Seguindo sua tradição de um certo delay travestido de “vamos dar um tempo pra galera desencanar das listas” o Tablete Hipster mostra sua lista de 100 discos de 2013!

Coachella, Primavera e o sonho de um festival brasileiro decente

Por Rodrigo Cruz 25 Jan 2013 Comments
Coachella, Primavera e o sonho de um festival brasileiro decente

As grandes notícias da semana foram as divulgações quase simultâneas dos line-ups de dois dos maiores mega-festivais da atualidade: Coachella, o tradicional evento californiano que acontecerá em dois finais de semana de abril, e o espanhol Primavera Sound, que a cada ano se consolida como um dos maiores da categoria e esse ano acontece de 22 a 26 de maio em Barcelona.

Girls e outros duos que não foram pra frente

Por Rodrigo Cruz 23 Jan 2013 Comments
Girls e outros duos que não foram pra frente

Ano passado, todo mundo ficou #chatiado com a notícia que a dupla americana Girls chegava ao fim, depois de dois discos mega foda. Nem deu tempo pra chorar as pitangas e logo veio o anúncio que o lead singer, Christopher Owens, estava com seu primeiro álbum no forno. Lysandre acaba de sair, e o resultado faz parecer que o Girls nunca acabou.

Lysandre é quase um álbum conceitual, com todas as músicas conectadas pela mesma melodia. Owens adicionou outros elementos ao som, como saxofones. As letras continuam falando do lado bom e do lado ruim do amor. Um disco muito bom, que com certeza vai ficar marcado entre os melhores de 2013 e ainda será destrinchado melhor por aqui. Mas fica a pergunta: o que fazia Chet “JR” White, o outro cara do Girls???

O álbum perdido dos Beatles – não, pera

Por Rodrigo Cruz 10 Jan 2013 Comments
O álbum perdido dos Beatles - não, pera

E se os Beatles não tivessem se separado em 1970? Um maluco pensou nessa hipótese e criou o site The Beatles Never Broke Up, onde diz ter tido acesso a uma fita cassete com registros de um álbum nunca lançado pela banda. O cara conta uma história BIZARRA sobre como conseguiu as gravações, mas confesso que não tive muito saco pra ler tudo.

Beatles em 2012, logo após o lançamento de Everyday Chemistry ¬¬

Beatles em 2012, logo após o lançamento de Everyday Chemistry ¬¬

Claro que é uma grande brincadeira, já que todo mundo jura de pé junto que os últimos trabalhos inéditos dos Beatles, “Free As A Bird” e “Real Love”, foram lançados na coletânea Anthology em 1995 (e no fundo eram canções inéditas de John com elementos adicionados por Paul, George e Ringo).

As onze faixas de Everyday Chemistry, o suposto disco perdido, não passam de colagens – bem feitas, diga-se de passagem – de músicas das carreiras solo dos quatro cavalheiros de Liverpool! O divertido é tentar reconhecer cada trecho usado em “músicas” com títulos como “Soldier Boy”, “Four Guys” e “Mr. Gator’s Swamp Jamboree”.

Se estiver sem nada melhor pra fazer, dá um pulo . Dá pra ouvir cada música em streaming ou baixar o “álbum” inteiro.

 

O primeiro grande álbum de 2013!

Por Rodrigo Cruz 08 Jan 2013 Comments
O primeiro grande álbum de 2013!

Encerrada a discussão “melhores discos de 2012″, é hora de começar a ficar atento aos lançamentos do novo ano! Dia 14 sai pela Matador Records Fade, o novo do pioneiro trio indie americano Yo La Tengo. O álbum já vazou e você pode baixá-lo por meios não oficiais, mas olha… tá difícil de conseguir (não que eu tenha tentado, um amigo me contou…)

Yo-La-Tengo-Fade

A linda capa de Fade, o novo do Yo La Tengo.

Após quatro anos do último registro, a banda tenta resgatar a sonoridade de seus álbuns lançados no final dos anos 90/início de 2000, e promete letras profundas que falam sobre laços emocionais e o processo de envelhecimento. Não é surpresa, considerando que o casal Ira Kaplan e Georgia Hubley está na estrada fazendo barulho há quase 30 anos.

O vídeo da música “Before We Run”, dirigido pela filmmaker americana Emily Hubley, que está no YouTube desde novembro, mostra um pouco do clima de Fade, com direito a um belo arranjo de cordas e um naipe de metais meio soturno. Muito linda!

No final de dezembro surgiu um vídeo para a música que abre o álbum, “Ohm”, e promete um disco excelente. Sim, a árvore é a mesma da capa de Fade e do vídeo de “Before We Run”.

Estou bastante empolgado para ouvir esse disco, assim que achar um torrent válido comprá-lo no iTunes. Agora, uma coisa é certa: pra mim, a coisa mais incrível que o Yo La Tengo fez foi a cover de “Hedwig’s Lament/Exquisite Corpse” de Hedwig & The Angry Inch, com vocal de Yoko Ono <3

50 anos de música em gifs 8-bit

Por Rodrigo Cruz 07 Jan 2013 Comments
50 anos de música em gifs 8-bit

Muita gente já deve conhecer esse site, mas é sempre bom lembrar de coisas legais :) Um cara chamado Josh criou o Music History In Gifs, que ilustra importantes fatos da música em lindos gifs 8-bit animados - desde a apresentação dos Beatles no Ed Sullivan show em 1964, passando pela revolução mercadológica digital do álbum In Rainbows do Radiohead em 2007 até o hit da internet “Gangnam Style” em 2012, tudo mais ou menos em ordem cronológica.

tumblr_mehw5xd3tY1rbgzizo1_1280

Até o campeão dos melhores álbuns de 2012 segundo o Tablete Hipster ganhou gif!

A maioria dos gifs traz comentários engraçados e irônicos, como o de “Oxford Comma”, música do Vampire Weekend que fala sobre as vírgulas usadas na língua inglesa para eliminar possíveis interpretações dúbias após a conjunção “and” (“2008. Vampire Weekend pergunta a todos suas considerações sobre “oxford comma” (…) E, pra constar, “oxford commas” eliminam ambiguidade eu me importo profundamente com elas”).

O legal é que, além de bandas importantes de vários momentos da música alternativa, como Grizzly Bear, Dirty Projectors, White Stripes, Girl Talk, Neutral Milk Hotel e Deerhoof, o site ainda abre espaço para histórias como a mudança de nome de Prince, a falência de MC Hammer, a dancinha de Rick Astley e a performance de Marty McFly (Michael J. Fox) tocando “Johnny B Goode” em De Volta Para O Futuro.

A batalha do Metallica contra o Napster também ganhou gif

A batalha do Metallica contra o Napster também virou gif

E vamos lá: tem coisa mais hipster que gif 8-bit??

Esperando o próximo fim do mundo

Por Rodrigo Cruz 21 Dec 2012 Comments

Se você está lendo este post é porque o mundo não acabou. Mas o assunto vai continuar rendendo, independente do que diz o calendário maia ou outras profecias desastrosas. Afinal, sempre tem gente esperando ou desejando o fim! Por isso, preparamos algumas sugestões para você esperar seu próximo fim de mundo!

Muse – “Apocalypse Please”

Elvis Costello – “Waiting For The End Of The World”

The Strokes – “The End Has No End”

Placebo – “The Bitter End”

David Bowie – “As The World Falls Down”

The Cure – “The End Of The World”

E a mais clichê de todas, mas que não poderia faltar:

R.E.M. – “It’s The End Of The World As We Know It (And I Feel Fine)”

E você? Qual sua trilha para o próximo fim do mundo?

O fundraising do of Montreal

Por Rodrigo Cruz 06 Dec 2012 Comments
O fundraising do of Montreal

Quando eu digo que Kevin Barnes & cia são foda tem gente que ainda duvida. A nova peripécia dos queridinhos deste blog, of Montreal, é um documentário sobre a  história da banda, chamado Song Dynasties.

A ideia tem raízes em 2007, quando o filmmaker Jason Miller registrou a turnê do álbum Hissing Fauna Are You The Destroyer? a pedido de Barnes. Os dois gostaram da brincadeira e fizeram o mesmo na turnê de seu sucessor, Skeletal Lamping, incluindo o famigerado show em Roseland, NYC, em que Kevin entrou no palco montado em um cavalo. O líder da banda foi juntando também todos seus registros caseiros, incluindo filmagens do início da carreira, totalizando mais de 16 anos de of Montreal em vídeo.

Kevin Barnes e seu alazão

Kevin Barnes e seu alazão

Todos os fãs devem estar ansiosos e em polvorosa, não é mesmo? É melhor que estejam, porque o dinheiro acabou e foi lançado um fundraising para arrecadar o que falta para finalizar os registros da turnê atual, Paralytic Stalks, e o processo de montagem e edição do filme.

Mas Kevin não está simplesmente pedindo contribuições, e sim oferecendo um EP exclusivo, chamado Young Froth/Taypiss, para os fãs que ajudarem com pelo menos 35 doletas. O EP traz músicas que datam da década de 90 e nunca foram lançadas. Um teaser, “Drachnids”, foi disponibilizado no soundcloud do grupo.

Falando em teasers, o site oficial da banda está cheio de snipets do filme, como esse vídeo com o guitarrista Bryan Poole falando sobre a época de Satanic Panic In The Attic (minha preferida, inclusive).

Segundo Kevin, a banda está próxima do seu objetivo, conforme o vídeo de agradecimento publicado na fanpage do grupo no Facebook.

Mais sobre Song Dynasties aqui e aqui.

RSS

SOCIAL

DISCLAIMER

© 2012-2014 Tablete Hipster. Todos os direitos reservados.

Os textos aqui publicados são propriedade intelectual de Rodrigo Cruz e não devem ser reproduzidos sem prévia solicitação. Caso você ou sua empresa queira reinvidicar a propriedade de algum texto ou imagem, por favor, entre em contato.

contato@tabletehipster.in